Identificados homens mortos com requinte de crueldade em chacina no bairro Aterrado em Lorena

Por volta das 10h de domingo (24) na rua Almirante Iran, no bairro Aterrado, próximo à rodovia Prefeito Aristeu Vieira Vilela, que liga Lorena a Guaratinguetá. De acordo com o boletim de ocorrência, um policial militar acionou à Polícia Civil após se deparar com os corpos de três homens.

Ao chegar no local indicado, os peritos constataram que as vítimas, que estavam com as mãos e os pés amarrados, haviam sido executadas com tiros na cabeça, sendo que uma delas estava com uma faca cravada no pescoço.

Moradores da região informaram aos policiais que o trio estava desaparecido desde a tarde do último sábado (23). As vítimas foram identificadas como: Bruno Henrique dos Santos Dias, 21 anos, Gabriel Gustavo Ovídio dos Santos, 20 anos, e Wally Afonso Candido, 34 anos.

A Polícia Civil investiga a hipótese de que o triplo homicídio tenha sido motivado por vingança, já que a corporação recebeu a informação de que os rapazes teriam envolvimento no assassinato de João Victor de Oliveira Mota, ocorrido na noite da última quinta-feira (21), no bairro Cecap.

Na ocasião, o jovem comemorava seu aniversário de 19 anos na praça pública da rua Luís Carlos Filipini, quando foi executado por três homens armados.

A ação foi flagrada por câmeras de videomonitoramento do COI (Centro de Operações Integradas). As imagens foram fornecidas pela secretaria de Segurança Pública de Lorena à Polícia Civil, que apura o caso.

Com informações do Jornal Atos