Mulheres são flagradas tentando entrar com cocaína e maconha em presídios de Tremembé

Agentes da SAP (Secretaria da Administração Penitenciária) flagraram dois casos, neste fim de semana, em que companheiras de detentos tentaram adentrar com drogas em presídios de Tremembé. Segundo a SAP, o primeiro caso ocorreu neste sábado (2), quando uma mulher de 21 anos, esposa de um preso que cumpre pena na Penitenciária 1 “Dr. Tarcizo Leonce Pinheiro Cintra”, foi flagrada com maconha e cocaína na genitália.

O flagrante ocorreu durante a revista dos familiares. A mulher apresentou anormalidades nas imagens captadas pelo aparelho de escâner corporal. Questionada, ela negou portar qualquer tipo de ilícito. Porém a direção do presídio acionou a Polícia Militar, que acompanhou a jovem até a delegacia de plantão. Segundo a PM, ela concordou em ser examinada por um médico legista no Hospital Municipal de Taubaté. Após averiguação, a mulher confessou que levava entorpecentes dentro do corpo e retirou um invólucro que continha os dois tipos de droga. O caso foi registrado na delegacia de polícia de plantão em Taubaté e o preso responderá a processo disciplinar interno. O outro caso ocorreu no último domingo (3). A mulher de um detento do CPP (Centro de Progressão Penitenciária) “Dr. Edgard Magalhães Noronha” foi flagrada com 204 gramas de cocaína quando tentou entrar na unidade prisional.

Foto: Divulgação/ SAP

Fonte: OVALE