Resgatando a memória cultura local e regional, FLIC-2021 recebe artistas e músicos da região em Cruzeiro

O Museu Major Novaes, por meio da Lei Aldir Blanc, Prefeitura de Cruzeiro e Secretaria de Esporte, Cultura, Lazer e Juventude realizará entre os dias 03 e 04 de dezembro a Feira Literária de Cruzeiro – FLIC 2021. O evento reunirá escritores, artistas e músicos de toda região com um intuito de promover uma manifestação cultural com interlocução entre as artes e propaga vivências focadas na diversidade.
Em edição especial o tema desse ano será “Todas as formas de contar a vida”, com o objetivo de resgatar a memória cultural e afetiva através da ação de contar e ouvir histórias, uma proposta que visa acolher a população nesse retorno das atividades culturais no contexto da pandemia da COVID-19.
A FLIC 2021 terá vários espaços ao ar livre com tenda de livros, apresentações infantis, feira de artesanato, mesas literárias, apresentações musicais, exposições, mostra de curta-metragem entre outras atividades culturais, as quais serão construídas novas memórias a partir de diferentes apropriações deste mesmo espaço.
O Museu Major Novaes busca quebrar paradigmas acerca das apropriações desse espaço de memória, e cria a Feira Literária de Cruzeiro – FLIC, para promoção da cultura que integre toda a região.
A FLIC foi criada em 2017, no mês de outubro, para comemorar o aniversário da cidade, uma experiência única para a localidade permeada pela literatura em conexão com a cidade.
Abrigada pelo casarão do século XIX, que possui uma arquitetura suntuosa e imponente, os autores da localidade se reúnem para trocar experiências e diálogos.
A FLIC é uma manifestação cultural, pois promove e visa uma interlocução entre as artes que propaga vivências focadas sobretudo na diversidade. Em sua primeira edição a temática valorizou o Vale do Paraíba, vislumbrando em sua quarta edição possibilitar acolhida para o retorno das atividades culturais no município.
PROGRAMAÇÃO
03 dezembro – 19h às 22h30
Deck musical
19h – Abertura
19h30 – Seresta de Cruzeiro
20h30 – Grupo Cruzeirense de Viola Caipira
Tenda dos livros
Feirinha de Artesanato (Setor de Apoio ao Artesão) 19h às 22h
04 dezembro – 10h às 21h
Tenda dos livros
Editora A Casa, Espaço dos livros e Sebo Trocando Páginas
Fliquinha
10h às 12h / 14h às 16h – Contação de história (Fazendo Arte)
Mesas literárias
10h – Museu “pra” quê?
As historiadoras Cláudia Ribeiro e Diana Poepcke falam da relevância de museus e acervos na preservação da memória e na construção da identidade de uma comunidade.
14h – Das Pedras cresceu a poesia!
Poetas da Serra da Mantiqueira invadem a FLIC para fazer poesia pura!
16h – Narrar a vida real – jornalismo e histórias de vida!
Os jornalistas Pedro Melo (TV Vanguarda) e Jaime Lemes, autores do livro “Mulheres por natureza, repórteres por vocação”, descrevem o cotidiano de narrar histórias de vida.
Auditório
Exposição temporária “Colorindo o cotidiano” construída pelos alunos APAE
10h – Mostra de Curtametragem “Undergarça”
14h – Mostra de Curtametragem “Undergarça”
Deck Musical
19h – Samba Export Fino
20h – Bittencourt Duo
Oficina de Grafite 10h às 16h
Feirinha de Artesanato (Setor de Apoio ao Artesão) 10h às 21h
Sarau Ágora de Cruzeiro 14h
Fonte: G1/Vale do Paraíba/Jornal da Cidade
Foto: Prefeitura de Cruzeiro