Professor que foi encontrado morto estava com roupas íntimas em Varginha, MG

O professor José Wilton Andrade Junior, que foi morto em Varginha, MG, foi encontrado dentro de casa com sinais de facadas na noite desta segunda-feira (18/10). Segundo a Polícia Militar, o caso é investigado como latrocínio, quando o roubo é seguido de morte. A vítima vestia roupas íntimas.

A Polícia Militar informou que o corpo de José Wilton foi encontrado na noite desta segunda-feira (18) na casa onde morava, na rua Santa Margarida, no bairro Bom Pastor. Segundo a PM, a irmã do professor não teria conseguido contato com ele durante o dia e foi procurá-lo na casa dele.

A mulher também não conseguiu contato com a vítima e percebeu que os animais estavam muito agitados. De acordo com a PM, ela pediu ajuda para um vizinho, que subiu no muro e viu a vítima caída dentro de casa.

A polícia foi acionada. Para entrar na casa do professor, os militares utilizaram a casa do vizinho e cortaram a cerca elétrica. A PM informou que havia muito sangue no local e que o professor estava vestido com roupas íntimas. O corpo apresentava diversos sinais de facadas.
O carro do professor foi levado no assalto. Familiares deram falta de um celular, uma TV e outro aparelho de telefone.

O local foi isolado para a perícia. O corpo do professor foi levado para o IML de Varginha. O velório e o enterro estão marcados para a tarde desta terça-feira (19), no cemitério municipal.
A Escola Municipal São José e a Escola Polivalente, onde o professor lecionava, suspenderam as aulas. No perfil do professor nas redes sociais, vários amigos lamentaram a morte. A Prefeitura de Varginha também publicou uma nota de pesar.
Com informações do G1 | Sul de Minas
Fotos: Redes sociais